A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) identificou o corpo carbonizado encontrado às margens da Rodovia DF-131, próximo ao Parque Ecológico Monjolo, em Planaltina, na última semana. A vítima era Brendon Lucas de Jesus Guedes, de 23 anos. O rapaz havia sido visto pela última vez numa parada de ônibus, em 21 de julho, entrando em um veículo por volta das 18h40.

Investigadores da 16ª Delegacia de Polícia (Planaltina) apuram o caso para tentar desvendar a autoria e a motivação do crime. Após a perícia no local, o corpo foi removido ao Instituto de Medicina Legal (IML), onde uma equipe do Instituto de Identificação (II) inspecionou o material remanescente de pele do cadáver nas regiões das mãos e dos pés.

Após colhido o vestígio papiloscópico e levado ao Laboratório de Exames Necropapiloscópicos em Cadáveres Especiais (LENCE), foi possível identificar o cadáver carbonizado. Utilizando equipamentos e soluções químicas apropriadas, o vestígio foi processado segundo protocolo de tratamento para a recuperação do tecido epidérmico. Após 24h, houve a coleta da impressão digital do cadáver em qualidade suficiente para o exame comparativo.

De posse do padrão biométrico de indivíduo indicado pela equipe de investigação da 16ª Delegacia de Polícia, concluiu-se a identificação do cadáver.

Fonte: Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *