Seis papiloscopistas policiais que integram o Instituto de Identificação da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO) participam da Conferência Internacional de Ciências Forenses 2021. Os profissionais Bruna Daniella, Bruno Costa, Dhiogo Mendes, Rodrigo Gonçalves, Leonardo Gomes e Priscila Malta atuam no evento com o trabalho “Levantamento de fragmentos papilares em superfícies inusitadas”.

O trabalho tem como objetivo “demonstrar a possibilidade de revelação de fragmentos de impressões latentes em superfícies inusitadas utilizando reagentes da perícia papiloscópica”. Uma vez que é possível revelar fragmentos de impressões papilares em diferentes superfícies, observa-se a possibilidade de utilizar determinados reagentes para revelação em superfícies inusitadas com ótimas condições de pesquisa e confronto com o sistema AFIS da PCGO, colaborando com as investigações e com a indicação de uma possível autoria.

A Interforensics já faz parte do calendário mundial dos pesquisadores e cientistas forenses. Realizada pela Academia Brasileira de Ciências Forenses (ABCF), a Edição de 2021 integra “o público gerador de informação (academia), o envolvido na prática cotidiana (peritos), quem utiliza os dados levantados (meio jurídico) e os responsáveis por desenvolver novas tecnologias e ferramentas para o segmento (indústria)”.

Divisão de Comunicação – Instituto de Identificação da Polícia Civil do Estado de Goiás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *